mesmo sem televisão

e sem ler boa parte dos jornais. de me manter afastada da actualidade por forma a filtrar mais a informação nas temáticas que me interessam (o campo da psiquiatria é vasto comá porra) a verdade é que o meu caminho para o trabalho inclui passar em frente a várias embaixadas. que tenha reparado com olhinhos de ver umas 5 pelo menos. as zonas posh são assim. nesta última semana há sempre polícias á porta de um par de embaixadas. todas as tardes, lá estão pessoas que gritam por ajuda. todos os dias o semblante carregado de colegas de várias proveniências com familiares nos países em convulsões revolucionárias lembram que isto não está só na televisão.

comentários aos molhos

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s