deixar as coisas correr mal

via i can read

a manhã trouxe-me sonhos. são poucos mas costumam ser memoráveis. pois bem, neste último estava grávida de um árabe. que está deitado num quarto fechado aparentemente a recuperar de uma doença debelitante. e eu, alminha do demónio, entrava lá só para comunicar ao pai da criança que mal ela nascesse era entregue para adopção. só para avisar não fosse ele o querer. e estava em casa dos meus pais a fazer isso. longe vão os anos em que lá vivia.

ia nascer em outubro (devo estar a pensar na minha lalita que essa sim nasce em outubro) e eu profundamente aborrecida porque me ia estragar o mês de setembro.

e esse vai ser  um mês importante. respira miúda. respira bem fundo.

comentários aos molhos

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s